Serra dos órgãos

Parque Nacional da Serra dos Órgãos

04/07/2016
De Norte a Sul

Trilhas, cachoeiras, montanhas e piscinas naturais fazem do Parque Nacional Serra dos Órgãos uma região de tranquilidade em meio ao clima agradável da serra do estado do Rio de Janeiro. Saiba mais sobre esta exuberante natureza de árvores centenárias e animais nativos.

O Parque Nacional da Serra dos Órgãos, criado em 1939, é o terceiro mais antigo Parque Nacional do Brasil, além de uma das unidades de conservação mais visitadas. O local abrange uma área de 20 mil hectares, onde se localizam os municípios de Petrópolis, Teresópolis, Magé e Guapimirim, e possui três sedes:

Sede Teresópolis: é a principal sede do Parque e localiza-se na área urbana de Teresópolis. Possui um centro de visitantes com lojas e lanchonetes, e completa infraestrutura de lazer em ambientes naturais com uma estrada interna de acesso a trilhas com mirantes – destaque à Trilha Suspensa, com 9 metros de altura – poços de rios e uma piscina de águas naturais, além de ser o ponto de partida da Trilha da Pedra do Sino e Travessia. Possui atrativos acessíveis a cadeirantes.

Sede Petrópolis: é a porta de entrada para a Travessia Petrópolis/Teresópolis, e possui trilhas de níveis variados de dificuldade que acabam em cachoeiras e poços de rios. Situa-se na cidade de Petrópolis, no Bairro do Bonfim, e abriga a Cachoeira Véu de Noiva, com queda d´água de 30 metros de altura.

Sede Guapimirim: o acesso é pela  BR 116, no início da serra Rio/Teresópolis, e possui estrutura para camping, cachoeiras de águas cristalinas, vigilância 24h e o Museu Von Martius, que expõe a flora brasiliensis.

Sede Teresopolis, Trilha Suspensa A Trilha Suspensa de 9 metros de altura, na Sede Teresópolis, é acessível a cadeirantes.

Principais Atrações

Alpinismo: referência de local para escalada no país, dentro do Parque o visitante encontra as chamadas big walls, grandes paredes que exigem mais de um dia de subida do alpinista. São mais de 130 vias de escalada, com destaque para a Pedra do Sino, com a via Terra de Gigantes; o Dedo de Deus, com mais de 1600 metros de altitude; e a Agulha do Diabo, uma das melhores escaladas de rocha do mundo.

Trilhas: o local possui a maior rede de trilhas do Brasil, com 130 quilômetros, com níveis diversos de dificuldade. Destaque para a Trilha Suspensa, com 9 metros de altura e 1,3 km de extensão, acessível a cadeirantes. No passeio, o visitante chega à altura das copas das árvores, e tem a oportunidade de admirar a natureza de um ponto de vista incrível. Já a Trilha Cartão Postal ficou famosa pelas belezas naturais que acompanham a caminhada e proporcionam uma visão do Dedo de Deus a partir do interior da floresta. Outras trilhas famosas são a Trilha da Pedra do Sino, Trilha da Cachoeira Véu da Noiva e muitas outras.

Cachoeiras e Piscinas Naturais:  aqui também se concentra o maior número de quedas d´água do estado do Rio de Janeiro, englobando uma grande variedade de cachoeiras e piscinas naturais. A mais conhecida é a Cachoeira Véu de Noiva, que dá nome a duas cachoeiras: a primeira fica em Petrópolis, e possui 42 metros de altura; a outra situa-se em Teresópolis, na trilha da Pedra do Sino.

parque nacional serra dos orgaos                      Piscina natural na sede do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, em Teresópolis.

Para maiores informações sobre roteiros e dicas, entre em contato: efdecathlon@estacaofloresta.com.br ou clique aqui. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *