arvorismo
  • por

Arvorismo

O arvorismo (chamado também de arborismo) é um esporte de aventura e lazer que proporciona interação e contemplação da natureza na travessia entre plataformas construídas no alto das árvores. Desenvolvida originalmente por profissionais de ciências biológicas como meio de observação e estudo da fauna e flora de um local, a atividade acabou ganhando cunho esportivo e turístico.

História do Arvorismo

Registros da década de 80 e 90 mostram o início do movimento do arvorismo no mundo. Estima-se que a prática tenha surgido em países como França, Costa Rica e Nova Zelândia. Em 1983, foi fundada a Associação Internacional de Arvorismo em Atlanta, EUA, a fim de aperfeiçoar e difundir o esporte junto às operadoras, e reduzir o impacto ambiental causado pelas instalações de equipamentos artificiais no meio ambiente. No Brasil, o arvorismo foi introduzido por volta de 1998 nas cidades de Dourados, no Mato Grosso do Sul, e Analândia e Brotas, interior do Estado de São Paulo. 

arvorismo

A diversidade da prática é um diferencial do esporte, que pode unir diferentes perfis e idades, proporcionando interação entre a família e até grupos de interesse. O arvorismo vem sendo usado em técnicas de treinamento empresarial e life coaching para trabalhar o desenvolvimento da auto-confiança, auto-estima, espírito de equipe, e outras características, contribuindo para o aprimoramento corporativo. 

No Brasil, estima-se que existam aproximadamente 40 circuitos de arvorismo, entre locais fixos e itinerantes. A cidade de Brotas abriga a primeira estrutura criada no Brasil, sendo um circuito de três tirolesas, cheio de desafios. No Espírito Santo, a cidade de Venda Nova possui circuito de 1,5 km de extensão e mais de 190 obstáculos. Entre outros locais para a prática estão Bonito – MS, Nova Friburgo – RJ, Foz do Iguaçu – PR, Campos do Jordão – SP, Guarapari – ES, Monte Verde e Andradas -MG.

Tipos de Arvorismo

Existem algumas classificações para a prática do arvorismo:

Arvorismo contemplativo: são instaladas plataformas amplas, firmes e com proteções laterais para observação da fauna e flora local sem muita dificuldade. 

Arvorismo técnico-científico: é feito exclusivamente por pesquisadores, objetivando estudos do ecossistema local. Teve origem na Costa Rica, nos anos 80.

Arvorismo esportivo: o percurso é repleto de obstáculos. O praticante usa conceitos básicos de escalada, rapel, e highline. É a modalidade para quem está em busca de desafios e vencer o medo de altura.

arborismo

Dicas rápidas de Arvorismo

Os equipamentos básicos são luvas, sapatilhas de escalada, capacete, cadeirinha, mosquetões, polia e cordas. Todos devem ser oferecidos pelas operadoras que estão promovendo a atividade. Recomenda-se um rápido treinamento a uma pequena altura para que o arvorista conheça os equipamentos e esteja seguro. Para preparar o corpo, deve-se alongar os músculos, pois a prática exige força e flexibilidade dos braços e das pernas.

Não é necessário ter experiência prévia ou habilidades específicas para praticar arvorismo, sendo uma atividade que pode ser feita por crianças e adultos. Ela oferece poucos riscos desde que sejam usados os devidos equipamentos e respeitadas as regras de segurança. Há uma certificação do INMETRO para a gestão do passeio de arvorismo. Procure pelas empresas certificadas pelo selo.